Quinta-Feira, 19 de Setembro de 2019
Alcinópolis
30/06/2014 09:00:00
Arquivo Público Estadual realiza assessoria em Alcinópolis
De acordo com Lira, os municípios não estão guardando a história através dos documentos e para ela o patrimônio documental é a memória de um lugar

Da assessoria/AB

Imprimir
Foto: Divulgação
A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, através do Arquivo Público Estadual, esteve em Alcinópolis na manhã desta quinta-feira (26) prestando assessoria técnica por meio do projeto “Inventário dos Acervos Documentais da história dos municípios e do Estado de Mato Grosso do Sul”.

As historiadoras Áurea Coeli e Lira Dequech estiveram com o prefeito Ildomar Carneiro Fernandes e com o secretário municipal de Educação, Cultura e Desporto, Jesus Aparecido de Lima, apresentando o projeto e na oportunidade entregaram um manual com informações básicas referentes à instalação do Arquivo Público Municipal.

De acordo com Lira, os municípios não estão guardando a história através dos documentos e para ela o patrimônio documental é a memória de um lugar. Desta forma, o projeto surgiu para garantir a preservação dos acervos documentais históricos que permanecem no estado de Mato Grosso do Sul. “A gente está levantando nos 79 municípios do estado o que ainda existe de arquivo público”, disse a historiadora.

O projeto pretende abranger os documentos do Poder Executivo e Legislativo, preservando assim os acervos que deverão ser estudados e interpretados para construção da memória institucional de Alcinópolis em seus mais diversos aspectos: administrativo, econômico, social, ambiental, religioso e cultural.

Para isso, deverá primeiro haver uma parceria entre o Estado e Alcinópolis para a realização de um inventário com o levantamento e o registro da massa documental produzida pela administração pública. Depois desta ação, os gestores poderão visualizar de forma mais clara a situação da documentação.

Após inventariar a massa documental, registrar e publicar a relação do material levantado, os documentos serão disponibilizados para o público. “O Arquivo Público Municipal terá a responsabilidade de guardar os documentos e deverá preservar os acervos”, explicou Lira.

O prefeito Ildomar os Arquivos Públicos destacou destacou a importância por se tratarem de locais de guarda, preservação, organização, acesso e difusão de acervos documentais e com a parceria entre a Fundação de Cultura e o projeto Inventário dos Acervos Documentais da história dos municípios e do Estado de Mato Grosso do Sul Alcinópolis só tem a ganhar. “A cidade está de portas abertas para receber as orientações técnicas das historiadoras e juntos vamos preservar o
patrimônio documental do município”.

Acompanhadas do secretário Jesus, as historiadoras ainda visitaram o novo prédio da Câmara de Vereadores de Alcinópolis e apresentaram a minuta de Lei para a criação do Arquivo Público municipal.

Informatização da Biblioteca Municipal

Também esteve em Alcinópolis o coordenador do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas, Fábio Mota Queiroz, para realizar o processo de informatização da Biblioteca Pública Municipal Rui Barbosa.

O acervo foi analisado, catalogado e indexado por assunto. Esta ação é uma iniciativa do governo do estado de MS, através da Fundação de Cultura, por meio da Biblioteca Estadual, em parceria com a prefeitura de Alcinópolis.

O coordenador instalou um software para administração de coleções e serviços de biblioteca, recurso este que permitirá ao usuário agilidade e precisão na orientação das pesquisas bibliográficas, busca avançada por título, autor e assunto.
COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias