Segunda-Feira, 20 de Maio de 2019
Brasil
06/03/2019 09:27:00
Homenagens a Marielle Franco marcam carnaval pelo país

G1/LD

Imprimir

A vereadora Marielle Franco recebeu homenagens no carnaval de 2019 a poucos dias de seu assassinato completar 1 ano.

Ela foi citada em desfiles de escolas de samba no Rio de Janeiro e em São Paulo, e lembrada também em blocos de rua.

Veja abaixo as homenagens:

Mangueira

A Estação Primeira de Mangueira homenageou a parlamentar no enredo que reverenciou heróis da resistência negros e índios da história do Brasil. A viúva da vereadora Marielle Franco, Mônica Benício, participou do desfile e, ao final, disse que o desfile "só concretiza a ressignificação" daquela noite de 14 de março, quando Marielle foi assassinada. A escola ganhou o prêmio Estandarte de Ouro, oferecido pelo jornal O Globo, de melhor escola do Grupo Especial em 2019.

Também estiveram presentes o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL) e o vereador Tarcísio Motta (PSOL).

Vila Isabel

A família de Marielle desfilou no último carro da Vila Isabel, que tratava do mal da escravidão que afligiu o Brasil. Eles representaram a emancipação e poder femininos – em especial da mulher negra, como defendia a vereadora – e dos movimentos negros de todo o país.

Os familiares representaram a emancipação e poder femininos – em especial da mulher negra, como defendia a vereadora – e dos movimentos negros de todo o país.

Vai-Vai

Marielle foi homenageada pela Vai-Vai em um mosaico com uma foto dela com a expressão "Marielle presente", na ala "Eu tenho um sonho". A escola mostrou as lutas do povo negro e o que chamou de "quilombo do futuro”.

Anielle Franco e Luyara Santos, irmã e filha de Marielle Franco, foram destaques do desfile. "O samba falava muito da Marielle e sobre o que ela significou para a gente enquanto viveu e, agora, com o legado que deixou. Ainda estou em êxtase", disse Anielle.

Bloco Ilú Obá de Min (São Paulo)

O cortejo do Ilú Obá de Min apresentou no domingo (3) uma música composta em homenagem a Marielle. O Ilú é um bloco afro de São Paulo no qual só mulheres podem cantar e tocar.

Orquestra Voadora (Rio)

A Orquestra Voadora homenageou Marielle na terça-feira de carnaval no Aterro do Flamengo. Além de levar uma imagem da vereadora, participantes também pediram justiça.

Bloco 'Simpatia é quase amor' (Rio)

O bloco, que comemorou 35 anos em seu desfile pelas ruas de Ipanema, tinha uma grande bandeira com a imagem da vereadora.

Cordão do Boitatá (Rio)

O cordão, que reuniu cerca de 65 mil pessoas, fez uma homenagem à vereadora no meio da apresentação.

Toco-Xona (RJ)

O bloco, que contou com a presença de cerca de 20 mil pessoas, também lembrou Marielle, com a presenta da viúva da vereadora.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias