Segunda-Feira, 29 de Maio de 2017
Brasil
16/05/2017 17:11:00
Lula processa Veja por capa com Marisa Leticia
Ex-presidente acusa a semanal de “ofender a memória” de ex-mulher e produzir conteúdo “mentiroso”

Brasileiros/PCS

Imprimir

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva processará a revista Veja pela reportagem de capa da publicação, com a imagem da ex-esposa do petista, Marisa Leticia, morta em fevereiro deste ano.

A capa da semanal traz uma foto em preto e branco da ex-primeira dama, escrito: “Morte dupla”, em referência ao depoimento de Lula ao juiz Sergio Moro, na quarta-feira (10), no qual o ex-presidente atribuiu a Marisa decisões em relação ao apartamento triplex do Guarujá.

“Fruto de jornalismo inconsequente e sensacionalista, buscando ofuscar a inocência de Lula e os atos ilegais da Lava Jato, a revista Veja ofende a memória de D. Marisa Leticia, falecida em 3/2/2017, ao veicular sua fotografia na capa e produzir conteúdo mentiroso. Lula jamais “chegou a apontar o dedo para a mulher” em depoimento prestado ao juízo de Curitiba no último dia 10, como afirmou de forma leviana a publicação. Lula esclareceu o que está nos documentos que estão à disposição da Lava Jato: D. Marisa comprou uma cota da Bancoop em 2005 e fez a gestão do investimento ao longo do tempo, até decidir, em 2014, que não iria comprar o triplex. Em 2015 D. Marisa — na condição de titular da cota — promoveu uma ação contra a Bancoop e a OAS pedindo a devolução dos valores que ela havia investido entre 2005 e 2009. Lula sempre sublinhou a legalidade dos atos de D. Marisa em relação a essa cota, jamais tendo atribuído a ela qualquer responsabilidade pelas afirmações que constam na acusação do Ministério Público, que são manifestamente descabidas”, diz a nota dos advogados Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Martins.

Segundo a defesa de Lula, a Veja será responsabilizada judicialmente na forma do artigo 12 do Código Civil, que traz o princípio da prevenção e da reparação integral nos casos de lesão a direitos da personalidade.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias