Terça-Feira, 11 de Agosto de 2020
Cidades
23/07/2020 17:52:00
Bodoquena adota barreiras sanitárias e suspende turismo sem planos de biossegurança

Midiamax/LD

Imprimir

Nesta quinta-feira (23), a Prefeitura de Bodoquena adotou novas medidas de enfrentamento ao coronavírus. Para manter o número de casos baixos na cidade, a gestão vai instalar barreiras sanitárias e liberar turismo apenas com planos de biossegurança aprovados.

De acordo com o boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde), a cidade possui três casos de coronavírus confirmados. O município é o 6º com menor número de infectados do Estado.

A gestão revogou parte do decreto nº 64, de 21 de março, que liberava todos os atrativos turísticos da cidade a partir de 1º de julho. A partir de agora, para funcionamento durante a pandemia, os estabelecimentos deverão apresentar Plano de Biossegurança para a gestão municipal.

De acordo com a publicação do Diário Oficial da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), a medida foi tomada devido ao avanço do coronavírus em Mato Grosso do Sul. Assim, as empresas de turismo deverão apresentar planos que contenham “ações que garantam a segurança dos usuários e colaboradores no combate a proliferação do vírus COVID-19”.

Além disto, a Prefeitura Municipal também decretou a instalação de barreiras sanitárias nas entradas da cidade. “Serão realizadas barreiras de controle sanitário em uma das entradas do município, funcionando diariamente das 7h às 22h por prazo indeterminado”.

Por fim, no mesmo decreto, a gestão estipulou que o comércio municipal funcione até às 22h de segunda-feira a sábado. Então, aos domingos, os estabelecimentos deverão permanecerem fechados.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias