Segunda-Feira, 22 de Outubro de 2018
Cidades
03/08/2018 17:36:00
Governo aditiva contrato e custo de obra de HR sobe para R$ 66 milhões
Contrato teve reajuste de R$ 2,4 milhões

Midiamax/PCS

Imprimir
Foto: Divulgação

Nesta sexta-feira (3), o governo do Estado aditivou mais R$ 2,4 milhões ao contrato para construção do Hospital Regional de Três Lagoas, assinado com a construtora Sial Construções Civis Ltda. O prédio tem prazo para ser concluído em março do ano que vem.

Com o aditivo, o valor da obra inicialmente orçada em R$ 56,4 milhões passa agora a custar mais de R$ 66,7 milhões. O custo total foi informado pelo Portal da Transparência de Mato Grosso do Sul.

Segundo a publicação da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), o contrato foi reajustado por apostilamento, para correção de valores conforme o INCC (Índice Nacional da Construção Civil) calculado pela Fundação Getúlio Vargas.

Esse é o segundo reajuste ao valor do contrato da obra. Em outubro do ano passado, cerca de cinco meses após o início da construção, a Agesul realizou outro apostilamento de R$ 3,4 milhões para a construção, também para correção de valores conforme o INCC.

Em abril deste ano, a Sial Construções Civis teve de paralisar as obras depois que trabalhadores da construção entraram em greve. Eles reivindicavam gratificações prometidas pela empresa, além de café da manhã, almoço e aumento do vale-alimentação.

A greve não durou mais que dois dias, após os trabalhadores terem negociado com a empresa, conforme informações do site Hoje Mais. Desde o início do ano, a empresa recebeu R$ 2,1 milhões de recursos do Fundo Especial de Saúde de Mato Grosso do Sul, segundo o Portal da Transparência.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias