Quarta-Feira, 28 de Junho de 2017
Cidades
17/04/2017 15:31:00
Mais de 12 mil eleitores de Campo Grande podem ter o título cancelado

Da assessoria/LD

Imprimir

Para que não tenham o título cancelado, mais de 12 mil eleitores de Campo Grande devem procurar a Justiça Eleitoral até o dia 2 de maio. São eleitores que deixaram de votar ou justificar em três eleições consecutivas, sendo que cada turno é considerado uma eleição.

Para regularizar a situação, os eleitores faltosos devem comparecer à Central de Atendimento ao Eleitor, no Parque dos Poderes, ou a um dos Postos de Atendimento da Justiça Eleitoral localizados nos Fáceis ou no CIJUS, levando consigo documento de identificação com foto; título eleitoral; comprovante(s) de votação; ou comprovante(s) de justificativa eleitoral; ou comprovante(s) de recolhimento de multa ou de dispensa de recolhimento.

O eleitor que tiver o título cancelado fica impedido, entre outras coisas, de tirar passaporte e CPF; inscrever-se em concurso ou prova para cargo ou função pública; investir-se ou empossar-se neles; renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Confira os locais de atendimento da Justiça Eleitoral na Capital:

• Central de Atendimento ao Eleitor de Campo Grande

Rua Delegado José Alfredo Hardman, 180 (antiga Rua do Diário), no Parque dos Poderes.

Segunda a sexta-feira, das 12h às 18h

• CIJUS (Centro Integrado de Justiça Des. Nildo de Carvalho)

Rua 26 de Agosto, esquina com Calógeras.

Segunda a sexta-feira, das 12h às 18h

• Posto de Atendimento Eleitoral - Fácil Guaicurus

Avenida Gury Marques, 5111 - Bairro Universitário (frente ao terminal Guaicurus).

Segunda a sexta-feira, das 8h às 14h

• Posto de Atendimento Eleitoral - Fácil General Osório

Rua Santo Angelo, 51 - Bairro Coronel Antonino (frente ao terminal General Osório).

Segunda a sexta-feira, das 8h às 14h

• Posto de Atendimento Eleitoral - Fácil Aero Rancho

Avenida Marechal Deodoro, 2603 - Bairro Aero Rancho (frente ao terminal Aero Rancho).

Segunda a sexta-feira, das 8h às 14h

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias