Sábado, 22 de Julho de 2017
Cidades
12/04/2017 11:29:00
Vereador causa polêmica ao mandar população insatisfeita mudar de cidade
Parlamentar afirmou que mensagem era para políticos e foi mal entendida

CE/PCS

Imprimir

Depois de muitas comparações entre as cidades de Cassilândia e Costa Rica, vereador Luiz Antônio Ribeiro Assis (PSDB), o Dentinho, causou polêmica ao fazer uma postagem em seu perfil no Facebook pedindo para que moradores incomodados com a administração municipal de Cassilândia se mudassem para Costa Rica.

Na publicação, vereador diz que está cansado das comparações entre os municípios, localizadas no leste de Mato Grosso do Sul.

“Boa tarde a todos, meus amigos, com todo meu respeito e carinho, já estou cansado desse negócio, na Costa Rica tem isso, na Costa Rica o asfalto é feito no outro dia, na Costa Rica tem aquilo outro, na Costa Rica faz assim, com muito respeito mesmo e carinho, para esses que ficam falando, faz um favor pra mim, muda pra Costa Rica, tá fazendo o que ainda. Muito ajuda quem não atrapalha”, diz a publicação.

Nos comentários, alguns moradores concordaram com a atitude de Dentinho, enquanto outros perguntaram se ele estaria nervoso para mandar a população embora da cidade.

Parlamentar disse ao Portal Correio do Estado que a publicação não era dirigida aos moradores de Cassilândia, mas de pessoas ligadas a política que criticam a atual administração e que foi mal entendida.

“Eu postei com intenção de atingir quem não conseguiu privilégios dentro da política e faz a população se voltar contra, usando Costa Rica como modelo a ser seguido. Eu sei que lá é uma cidade excelente, já estive lá, mas estou dando atenção a Cassilândia e tem muitos interessados em não deixar crescer”, disse o vereador.

Postagem foi apagada da rede social porque, segundo o parlamentar, muitas pessoas entenderam de forma errada e começaram a importunar seus familiares, que pediram a exclusão da mensagem.

Vereador ressaltou ainda que não quer que a população se cale diante dos problemas da cidade, como pareceu na mensagem.

“A população tem que cobrar e exigir mesmo. Ela está livre para sempre reclamar e a Câmara está de portas abertas para atender a todos”, afirmou.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias