Domingo, 22 de Julho de 2018
Ciência e Saúde
25/12/2017 08:18:00
Exagerou na ceia? Veja dicas para aliviar os efeitos dos excessos do Natal
Chá e dieta detox podem ajudar a eliminar as toxinas do organismo, que costuma sofrer com o excesso de gordura ingerida na ceia natalina.

Bem Estar/PCS

Imprimir
As folhas do boldo ajudam a eliminar toxinas na Ceia (Foto: Edvaldo de Souza/TG)

O gosto está bem longe de lembrar as delícias da ceia de Natal, mas vale superar uns minutinhos do sabor amargo do chá de boldo para aliviar o fígado depois dos exageros da ceia natalina. Também a dieta detox, longe de ser restritiva, pode ser uma aposta para recuperar o pique para o Ano Novo, segundo especialistas ouvidos pelo G1.

O chá de boldo fornece um alívio para o organismo, que fica sobrecarregado pela gordura e pelo álcool. “Em termos hepáticos, o chá ajuda na metabolização de tudo o que se ingere”, explica Durval Ribas Filho, nutrólogo.

O boldo também vai ajudar na digestão e na eliminação de gases.

Quem não tiver a erva, diz Ribas Filho, pode optar pelo chá de hortelã, que também ajuda na metabolização (quando o que ingerimos é mais facilmente expelido do corpo).

Uma dieta detox também ajuda a liminar toxinas

Já a nutricionista Lucyanna Kalluf, além do chá de boldo, indica a dieta detox. “Ao contrário do que as pessoas imaginam, a dieta detox não é uma dieta radical, restritiva. A desintoxicação tem como objetivo ajudar a eliminar toxinas e outras substâncias que prejudicam a saúde e o bom funcionamento do organismo.”

A dica da Lucyanna para essa dieta, assim, é esquecer alimentos e bebidas com muito aditivos, como corantes e estabilizantes.

“Aumente a ingestão de verduras e frutas com baixo índice glicêmico como maçã, pera, melancia, melão, abacate e mamão”, sugere.

“Nessa dieta, o ideal é consumir 3 porções de frutas e pelo menos 1 prato bem caprichado de hortaliças (alface, rúcula, agrião e acelga) por dia.”

A nutricionista também recomenda caprichar nos cereais (arroz integral, quinua, amaranto), leguminosas (feijão, lentilha, grão-de-bico), oleaginosas ricas em gordura boa (castanha e nozes), além de sementes (linhaça, chia, abóbora) e muito líquido.

Cuidado com o almoço natalino

Uma outra dica para o pós-ceia é evitar comer muito na hora do almoço natalino, apostando em saladas e alimentos mais leves. Quem bebeu demais, também pode optar por frutas, que vão ajudar a aliviar os efeitos da bebida.

Também aqui vale lembrar que o panetone é bastante calórico: uma fatia desse tradicional pão natalino com frutas cristalinas possui, em média 250 calorias. A recomendação é evitar no pós-ceia ou comer com muita moderação.

Por fim, o famoso sal de fruta pode ajudar no alívio do desconforto estomacal, diz Ribas Filho. Quando comemos muito, o estômago se prepara para digerir os alimentos com a produção de ácidos que, em excesso, provocam desconfortos. O sal de frutas, como é alcalino, neutraliza esses ácidos.

Chá para amemizar a sensação de mal-estar, por Lucyanna Kalluf

Para 1 xícara de chá de camomila e funcho, coloque uma folha de boldo. Tome em jejum.

Como preparar

  • Amasse a folha do boldo numa xícara até sair o sumo da planta;

  • Coloque 200ml de água quente ( fervida);

  • Adicione uma colher de chá da camomila e do funcho. Deixe descansar por 5 minutos

  • Coe e beba

"Se não conseguir puro, coloque xylitol [adoçante] para adoçar", recomenda Lucyanna.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias