Sexta-Feira, 7 de Agosto de 2020
Ciência e Saúde
13/07/2020 13:32:00
Sonora passa de 80 casos de Coronavírus, decreta lockdown e proíbe venda de bebida alcoólica

Sheila Forato

Imprimir

A exemplo de Coxim, o município de Sonora também decretou lockdown nos próximos dois finais de semana, além de implantar outras medidas restritivas no combate ao Coronavírus (Covid-19), como a proibição de venda de bebida alcoólica.

Segundo o decreto de número 820/2020, assinado nesta segunda-feira (13), o lockdown vai ter início as 20h30 de sexta-feira e se estende até as 5 horas de segunda-feira, superando o horário de Coxim, que inicia as 22 horas.

No período citado, apenas o comércio essencial está autorizado a funcionar, dentre eles supermercados e farmácias. As lanchonetes e restaurantes podem fazer entregas, mas estão proibidas de vender no local, mesmo que seja no sistema pegue e leve.

O decreto proíbe ainda todo o comércio da cidade, inclusive supermercados e afins, de vender bebida alcóolica no período de lockdown. Com essa medida, a Prefeitura tenta evitar que os moradores se reúnam nos finais de semana para confraternizações diversas.

Igrejas e templos religiosos também estão proibidos de abrir no período citado. Já o acesso ao balneário da cidade foi proibido por 15 dias, mesmo que seja para embarcar ou desembarcar. O decreto mantém a proibição das pessoas se aglomerarem nas vias públicas, assim como o toque de recolher, a partir das 22 horas, de segunda a quinta-feira.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura, Sonora tem 82 casos confirmados de Coronavírus, 10 suspeitos e um óbito. Os curados são 46.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias