Segunda-Feira, 20 de Agosto de 2018
Comportamento
29/07/2018 11:06:00
Após polêmicas, Safadão cogita virar cantor gospel: 'Se Deus quiser'
O cantor falou sobre paternidade e religião

Folha/PCS

Imprimir

Wesley Safadão compareceu nesta sexta-feira (27) à audiência sobre revisão da pensão do filho mais velho, Yhudy, e concedeu uma entrevista ao jornal 'Folha de S. Paulo'. Na ocasião, ele afirmou que foi injustiçado, pois é um pai dedicado e também que não descarta a possibilidade de virar cantor gospel.

“Procuro ser um pai com P maiúsculo, jamais deixaria faltar nada”, alegou. Sobre as críticas, ele diz que o carinho dos fãs a superam: “O carinho que recebo dos fãs dá forças para fazer meu trabalho”, disparou.

O artista também falou sobre sua religiosidade, já que ele foi batizado na Igreja Batista da Lagoinha. Questionado sobre música cristã, ele disse que ouve sempre e que o público evangélico pode esperar algo por aí. Algumas pessoas sugerem que ele agregue músicas voltadas para pessoas crentes em seu atual repertório, como Luan Santana já fez no passado.

“Tem gente que critica o fato de eu cantar e ser cristão. Mas não ligo. Estou em lugares onde pastores não conseguem ir. Sinto paz com isso. Se amanhã ou depois, Deus quiser que eu cante outra coisa, em outro lugar, eu canto”, revela ele.

O artista também chegou a ser cogitado na política neste ano, mas não seguiu com a ideia. Sobre as eleições para Presidente neste ano, inclusive, ele não se posiciona: “Ainda não me decidi”.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias