Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021
Educação
06/04/2021 13:57:00
Extensão do IFMS se reinventa em tempos de pandemia

Da assessoria/LD

Imprimir

A extensão pode ser explicada, no contexto das instituições de ensino, como sua articulação com a sociedade visando a troca de saberes. Entretanto, com o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) tendo suspenso suas atividades presenciais, administrativas e de ensino, há pouco mais de um ano, devido à pandemia do Covid-19, manter as atividades de extensão tornou-se um desafio para a comunidade escolar.

Como levar a instituição para além de seus muros, se vivemos tempos de distanciamento social? Esta pergunta teve que ser respondida pela Pró-reitoria de Extensão (Proex) e por todos os extensionistas da instituição

“O principal desafio que a extensão no IFMS enfrentou no último ano foi manter nossos extensionistas e a comunidade externa ativos, mesmo diante das dificuldades impostas pelo isolamento social. Para isso, repensamos nossas práticas, com criatividade e inovação, e adotamos medidas como a reavaliação dos editais, o aumento do número de bolsas e o atendimento aos anseios dos campi”, afirmou o pró-reitor de extensão, Danilo Teles.

Com o impedimento da realização de atividades presenciais, o número de atividades de extensão consequentemente diminuiu, passando de 167 eventos, cursos e projetos, registrados em 2019, para 54 em 2020.

Apesar da redução, muitos projetos foram submetidos aos editais e desenvolvidos, pois as dificuldades encontradas pelos extensionistas motivaram o surgimento de soluções inovadoras e de novas formas de se fazer extensão no IFMS. Além disso, a extensão também ajudou no combate ao coronavírus, com a produção de materiais de proteção individual, álcool em gel e outros produtos.

Novos editais foram propostos, como o das Mulheres Extensionistas nas ciências exatas, engenharias, tecnologias e computação (Edital nº 044/2020), Apoio à Promoção da Iniciação Científica Tecnológica com foco na Economia 4.0 (Edital nº 042/2020) e Projetos de Extensão para Prevenção e Combate à Pandemia do Coronavírus (- Edital nº 015/2020).

Dentre os projetos elaborados durante a pandemia, está o “HortiTop - Cultivando sonhos, mudando vidas”, do Campus Ponta Porã, aprovado pelo edital de apoio à participação e formação de mulheres extensionistas nas ciências exatas, engenharias, tecnologias e computação.

O projeto conta com a participação de acadêmicas bolsistas do curso de Agronomia e, nele, estudantes de escolas públicas foram estimulados a cultivar suas próprias hortas, com orientações que o projeto disponibilizou por meio da produção de vídeos tutoriais publicados na página do projeto.

A coordenadora da iniciativa, professora Ligia Piletti, explica que estava prevista, inicialmente, um dia de prática presencial, mas devido a pandemia, o projeto sofreu alterações para ser realizado.

“A proposta inicial previa, após a publicação de todos os vídeos, uma grande aula presencial para a prática do cultivo da horta, mas essa ideia deu lugar a aula prática gravada. Os alimentos produzidos serão inseridos na cesta de alimentação escolar que os estudantes recebem”, explicou a coordenadora.

Para ela, a manutenção da atividade extensionista durante o isolamento social demanda criatividade e também apoio das tecnologias da informação e comunicação.

“O distanciamento social trouxe à tona a necessidade de inovação que promovesse a interação entre o IFMS e a comunidade externa e, para continuidade das atividades, utilizamos a tecnologia e as redes sociais como aliadas”, destacou a professora.

Já em Aquidauana, a professora Marcia Cristaldo coordenou o projeto "Inspiradas na Computação", com as professoras Marta Luzzi e Claudia Fernandes, com o objetivo de criar um livro apresentando um panorama das mulheres que realizaram feitos na área da computação, aprovado pelo mesmo edital.

A proposta do grupo MAIA (Meninas Aprendendo Inteligência Artificial), em parceria com o NUAR (Núcleo de Animação e Roteiro do Campus Campo Grande), está produzindo o livro para motivar as leitoras sobre sua capacidade de inserção e inovação na área de tecnologia.

"Além do trabalho envolvendo a produção literária, tivemos o desafio de manter motivadas nossas autoras, que são as próprias alunas do projeto; para isso, a professora Marta Luzzi, também coordenadora, estabeleceu um cronograma de entrega de atividades auxiliando muito no desenvolvimento”, explicou a coordenadora.

O pró-reitor de extensão destaca que ter contado com a participação da comunidade interna na elaboração e submissão de propostas foi fundamental para manter atuante a extensão na instituição e garantir a interlocução com a comunidade sul-mato-grossense nestes tempos de pandemia.

"Em 2021, pretendemos aumentar ainda mais a participação da comunidade interna, na submissão de projetos e, consequentemente, da comunidade externa, público alvo da extensão. Para isso, buscamos elevar a participação de nossos campis, ouvindo-os ainda mais e propiciando, quando possível, um atendimento às suas principais demandas", explicou o pró-reitor.

Eventos

Em 2020, o formato virtual foi a forma encontrada por toda a sociedade para a realização de eventos. Assim, ações que antes eram locais, passaram a contar com a participação das comunidades escolares de todos os campi, mediados pelas tecnologias de informação e comunicação.

Os Jogos do IFMS foram cancelados, mas diversos outros eventos foram realizados, sendo os principais a Semana do Meio Ambiente e o Festival de Arte e Cultura, que tiveram resultados e impactos positivos na instituição.

“A realização dos eventos virtuais estimulou o trabalho colaborativo e a criatividade e, como resultado, tivemos número expressivo de participantes e um feedback positivo dos campi”, destacou o pró-reitor.

No período de 9 a 13 de novembro, quando foram realizados estes eventos, o IFMS ofertou 120 atividades, com total de 384 horas de conteúdo. Foram registrados mais de 69 mil acessos nas transmissões, com 1.485 participantes inscritos.

Depois, de 16 a 21 de novembro, foi realizada a décima edição da Semana da Consciência Negra, que, de forma virtual, possibilitou uma ampla participação das comunidades escolares dos dez campi.

A Semana recebeu apoio institucional por meio do edital n° 058/2020, destinado à seleção de propostas para a realização de eventos de extensão online, que contemplou ainda outras quatro propostas.

Foram realizadas ainda, de forma virtual, a I Jornada Estadual de Educação Física Escolar do IFMS, o VI Encontro Anual dos Napnes, o II Workshop Migração e Refugiados e a palestra sobre criação de peixes em tanques.

IFMS contra o coronavírus

Dentre as ações de extensão direcionadas ao combate à pandemia, destaca-se a publicação do Edital n.º 15/2020, de Projetos de Extensão para Prevenção e Combate à Pandemia do Coronavírus.

Por meio dele, foram financiados com valores para custeio e bolsas, três projetos de extensão com intuito de ajudar no combate ao coronavírus. As propostas aprovadas foram “Educação Sanitária: Construindo saberes e práticas para o combate a Covid-19”, de Naviraí; “Confecção de máscaras de proteção contra o novo coronavírus”, de Aquidauana; e “Juntos contra a Covid-19: De mãos limpas”, de Corumbá.

“Por meio deste edital, a instituição pode atender às comunidades quilombolas, indígenas, assentamentos ou comunidades rurais e em situação de vulnerabilidade social, a partir do fornecimento de produtos de higiene básica elaborados nos campi”, explicou o pró-reitor.

Todas as demais ações desenvolvidas pelo IFMS em combate ao novo coronavírus, informações sobre formas de prevenção, os documentos institucionais referentes à situação, além de podcasts e todas as notícias publicadas no site institucional que tenham relação com a temática estão reunidos na página IFMS contra o coronavírus.

Retrospectiva

No dia 18 de março completou-se um ano da suspensão das atividades presenciais no Instituto Federal. Em virtude da data, o IFMS realiza uma retrospectiva de como a Covid-19 impactou nas ações de ensino, pesquisa e extensão em âmbito institucional.

A primeira matéria foi sobre o ensino. A segunda abordou os desafios para a pesquisa durante este período de pandemia.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias