Quarta-Feira, 12 de Agosto de 2020
Geral
06/07/2020 13:21:00
Mulher sai para comprar cigarros, desaparece no Tiradentes e moradores ouvem gritos de socorro

Midiamax/LD

Imprimir

A filha de uma mulher de 44 anos, Léia Conceição, procurou a delegacia nesta segunda-feira (6), em Campo Grande depois da mulher desaparecer na noite de sábado (4), no bairro Tiradentes. A vítima saiu sem celular ou bolsa de casa.

Segundo a filha da dona de casa, a mãe teria saído por volta das 22 horas de sábado para ir comprar cigarros, em um estabelecimento que fica na esquina do condomínio onde a família mora, mas como estava fechado, a mulher teria ido até outro local e não levou o celular desaparecendo.

A filha contou ao Jornal Midiamax, que moradores do condomínio teriam ouvido gritos de socorro de uma mulher na madrugada de domingo (5). Segundo o relato da jovem, a mãe nunca sumiu desta forma sem avisar onde estava, “Sempre que ela saia e ficava fora de casa, ela ligava para avisar onde estava”, falou a mulher.

Mulher sai para comprar cigarros, desaparece no Tiradentes e moradores ouvem gritos de socorro Mulher está desaparecida desde a noite de sábado (4) POLÍCIA Thatiana Melo Em 11h30 - 06/07/2020

Vítima saiu sem o celular (Arquivo Pessoal) A filha de uma mulher de 44 anos, Léia Conceição, procurou a delegacia nesta segunda-feira (6), em Campo Grande depois da mulher desaparecer na noite de sábado (4), no bairro Tiradentes. A vítima saiu sem celular ou bolsa de casa.

Segundo a filha da dona de casa, a mãe teria saído por volta das 22 horas de sábado para ir comprar cigarros, em um estabelecimento que fica na esquina do condomínio onde a família mora, mas como estava fechado, a mulher teria ido até outro local e não levou o celular desaparecendo.

A filha contou ao Jornal Midiamax, que moradores do condomínio teriam ouvido gritos de socorro de uma mulher na madrugada de domingo (5). Segundo o relato da jovem, a mãe nunca sumiu desta forma sem avisar onde estava, “Sempre que ela saia e ficava fora de casa, ela ligava para avisar onde estava”, falou a mulher.

LEIA TAMBÉM: Acidente entre veículo e caminhão com cana mata dois campo-grandenses na BR-163

07h37 - 06/07/2020 Após sequestro que terminou em morte, velório de Carla é marcado por revolta de familiares e amigos

08h12 - 04/07/2020 “Minha preocupação é que está muito perigoso”, disse a jovem falando em relação as postagens de várias mulheres, moradoras da região e bairros próximos, falando sobre ‘tarados’ que estão atacando as vítimas usando veículos para isso.

Na sexta-feira (3), o Jornal Midiamax noticiou um tarado que usava um carro, de cor prata para atacar mulheres, nas regiões do bairro Tiradentes e Itamaracá. Uma das vítimas fez uma postagem no Facebook denunciando o homem. Ela registrou um boletim de ocorrência, no dia 30 de junho quando voltava de um mercado junto de uma amiga, e um homem que estava em um carro, de cor prata, seguiu as mulheres e ao encontrar a vítima passou as mãos nas nádegas dela fugindo em seguida.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias