Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018
Logística
29/05/2018 09:13:00
Desabastecimento continua no interior do Estado até quinta-feira
Se refinarias entrarem em greve, situação pode se agravar

CE/PCS

Imprimir
Comboio com 20 caminhões saiu de Campo Grande ontem à tarde e foi escoltado pela PRF e por militares do Exército (Foto: Valdenir Rezende/CE)

A segunda-feira terminou com 80% dos postos de combustíveis abastecidos em Campo Grande. No entanto, a situação continua crítica nas cidades do interior do Estado, onde das 60 com total desabastecimento, apenas 15 receberam o produto. Se a média diária continuar a mesma, somente na quinta-feira os municípios serão totalmente supridos.

Além disso, há ainda risco de que o estoque de combustível nas distribuidoras, concentradas principalmente em Campo Grande, acabe. Em uma das redes que atende o Estado, há produto suficiente para os próximos 10 dias. Caso a greve das refinarias realmente ocorra na quarta-feira, a situação se agrava, já que até mesmo este combustível terá o transporte impedido.

Segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência de Mato Grosso do Sul (Sinpetro-MS), para o interior do Estado, os carregamentos estão saindo escoltados pela Policia Militar e Exército. As primeiras cidades atendidas foram Corumbá, Dourados e Amambaí. Quanto ao estoque nas distribuidoras ser ou não suficiente, o sindicato diz não ter essa informação até o momento.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias