Quinta-Feira, 18 de Julho de 2019
Meio Ambiente
14/05/2019 17:24:00
Recorde de frio para 2019 em Campo Grande e em Porto Velho
Ar frio de origem polar ainda atua sobre AC, RO, parte de MT e de MS. Temperatura baixou para 10°C no sul de MS.

Terra/PCS

Imprimir
Foto: Arquivo/EMS

Como previsto, o ar frio de origem polar persistiu na madrugada desta terça-feira, 14 de maio, sobre o Acre, Rondônia, o oeste e o sul de Mato Grosso e sobre o Mato Grosso do Sul fazendo a temperatura baixar mais.

A madrugada de hoje foi a mais fria em 2019 até agora nas capitais Porto Velho e Campo Grande e a temperatura ficou abaixo dos 10°C no sul de Mato Grosso do Sul.

Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura mínima na madrugada de 14 de maio em Porto Velho, capital de Rondônia, foi de 21,2°C, a mais baixa para 2019 até o momento. O recorde anterior era de 21,5°C, em 7 de abril.

Esta queda de temperatura acentuada em Rondônia provocada pela passagem do ar polar é chamada de friagem. Esta é a segunda friagem de 2019. A primeira ocorreu entre os dias 6 e 9 de abril.

Em Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, a temperatura mínima nesta terça-feira, 14 de maio, foi de 14,1°C. Este é novo recorde de frio para este ano. O recorde anterior era de 16,6°C, em 9 de maio.

O sul de Mato Grosso do Sul sentiu um forte resfriamento e a temperatura ficou em torno dos 10°C ao amanhecer. Em Ponta Porã, o INMET registrou 9,8°C. Esta foi a temperatura mais baixa este ano em Mato Grosso do Sul, até agora.

Confira outras baixas temperaturas em Mato Grosso do Sul em 14/5/19, de acordo com o INMET.

Ponta Porã: 9,8°C

Sete Quedas: 10,0°C

Bela Vista: 10,6°C

Amambai: 10,8°C

Juti: 11,1°C

Por esfriar um pouco mais na próxima madrugada em Mato Grosso do Sul e há chance de novo recorde de frio para este ano em Campo Grande.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias