Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019
Mundo
29/08/2019 07:54:00
Japão debate desenvolvimento social de países africanos

Agência Brasil/LD

Imprimir

O segundo dia da 7ª Conferência Internacional de Tóquio para o Desenvolvimento Africano (Ticad) debate nesta quinta-feira, em Tóquio, os maiores obstáculos que impedem o crescimento econômico e o desenvolvimento social em diversas partes da África.

A meta principal é melhorar o acesso aos serviços médicos básicos e de saúde pública. Como um meio de lidar com essa questão, a cobertura universal de saúde - o princípio de que qualquer um tem acesso à saúde sem precisar enfrentar dificuldades financeiras - deve atrair as atenções do encontro.

O Japão prometeu ajudar a levar o sistema de cobertura universal de saúde para três milhões de africanos através de um programa patrocinado pelo governo nos próximos três anos.

Outra questão debatida é a prevenção da disseminação de doenças infecciosas, como, por exemplo, o vírus ebola.

Em julho, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o recente surto de Ebola na República Democrática do Congo como uma emergência de saúde internacional.

O Japão enviou sua equipe de assistência em desastres ao país para ajudar a lidar com a doença infecciosa.

Além dos serviços de saúde pública, as mudanças climáticas e o meio ambiente serão outros tópicos dominantes.

Os participantes também devem debater um compromisso para a redução de lixo plástico, uma das principais causas da poluição nos mares.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias