Domingo, 24 de Janeiro de 2021
Polícia
12/11/2020 14:50:30
PMA autua paulista por maus tratos ao deixar cabeças de gado sem alimento

Luma Danielle Centurion

Imprimir
Foto: Divulgação PMA

Policiais Militares Ambientais de Coxim receberam denúncias de possíveis maus-tratos a animais, em virtude de abandono de gado sem pastagem, ou outro tipo de alimento, em uma fazenda no município a 90 km da cidade à margem da estrada Transpantaneira.

A PMA foi ao local na tarde desta quarta-feira (11), mesmo dia da denúncia, para levantamentos e verificou tratar-se de uma fazenda pertencente a um pecuarista de 64 anos, residente em Presidente Prudente (SP).

A equipe verificou que a pastagem estava totalmente degradada, em quase sua totalidade apresentando somente a terra nua sem gramínea e o gado não conseguia mais retirar alimento.

O proprietário não estava tomando as medidas para minimizar a fome dos animais, que estavam todos extremamente debilitados, alguns não conseguiam mais se levantar e outros mortos.

Os Policiais conseguiram contar 25 carcaças de reses mortas. A Polícia Militar Ambiental apreendeu o gado e acionou a Agência Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO) para as providências relativas aos animais.

O infrator foi autuado administrativamente e multado em R$ 118.000,00 por maus tratos aos animais. O autuado também responderá por crime ambiental de maus-tratos, com pena de três meses a um ano de detenção.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias