Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Veículos
02/06/2017 18:56:00
Como fazer para o carro gastar menos combustível
É possível reduzir o desperdício de combustível em até 25% seguindo dicas dos especialistas

UOL/PCS

Imprimir

Seu carro está consumindo muito combustível? O culpado pode ser você. Ou melhor, a sua forma de dirigir. Muitos motoristas nem levam em conta, mas maus hábitos ao volante podem aumentar bastante os gastos de gasolina, álcool ou diesel em até 25%, dizem os especialistas. Outro fator que agrava o desperdício de combustível é a falta de manutenção ou um reparo feito de forma errada. “Até o adiamento da troca de óleo pode ser um fator de aumento de consumo”, alerta Marcelo Farias, professor de mecânica automotiva do Senai-PE.

Os mecânicos experientes dizem que o primeiro passo para aprender a economizar mais é conhecer o seu veículo. Muitos carros modernos trazem recursos que ajudam o motorista a dirigir de forma eficiente, mas alguns proprietários não prestam atenção nesses equipamentos ou desconhecem a melhor forma de utilizá-los.

É o caso do indicador de troca de marchas. Localizado no painel, o mecanismo é empregado em automóveis com câmbio manual e quase sempre é ignorado por conta do seu tamanho diminuto. Ele mostra através de setas direcionadas (para cima ou para baixo), o momento certo de “subir” para uma marcha mais alta ou reduzir a marcha através da alavanca de câmbio.

COMBUSTÍVEL

É uma espécie de conta-giros para veículos populares modernos. Todo automóvel tem uma faixa de rotação do motor ideal. De acordo com a situação - pista livre, subidas íngremes, etc, muda-se essa faixa de rotação. Isso quer dizer, por exemplo, que trafegar numa pista plana com trânsito livre em 3ª marcha é desperdiçar combustível. “Nesta situação o ideal é usar a marcha mais alta, 5ª ou 6ª para reduzir as rotações e poupar combustível”, diz o professor que ainda recomenda ler o manual do proprietário do veículo onde há mais informações sobre a marcha certa para cada velocidade.

Um outro equipamento, antes presente somente nos carros de luxo, e hoje disponível no mercado e que ajuda a economizar é o Star-Stop. Aplicados apenas a carros com câmbio automático, o dispositivo faz com que o motor seja desligado caso o carro fique parado por mais de três segundos. O motor religa automaticamente assim que o motorista tira o pé do freio.

Só o equipamento é responsável por uma economia de cerca de 10%. O problema é que muitos motoristas preferem desligar o mecanismo por medo que o constante “liga-desliga” acabe arriando a bateria do carro. Mas há quem assegure que não existem riscos. “Os fabricantes desenvolveram produtos específicos para este tipo de equipamento. Não precisa ter medo que o acumulador de energia descarregue antes do tempo”, reforça o professor de mecânica Marcelo Farias. O acessório Start-Stop anda tão difundido que já pode ser visto em modelos populares como o Fiat Uno e o Renault Sandero.

Com ou sem equipamentos, é possível dirigir e manter o carro de forma que a eficiência seja aumentada. É importante não só ter conhecimento das técnicas, mas ainda ficar atento para não não errar. Deixar de levar peso desnecessário no porta-malas ou dirigir de forma mais suave contribuem para gastar menos.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias