Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019
Polícia
08/08/2019 16:45:00
Após reportagem, colegas de pesca procuram bombeiros e contam que jovem caiu de barco

Sheila Forato

Imprimir
Foto: Arquivo pessoal

O sumiço de Wendel Silva Alves, de 21 anos, está cada vez mais intrigante. Depois que o Edição MS publicou o desaparecimento do jovem seus companheiros de pesca compareceram ao Corpo de Bombeiros de Coxim, na tarde desta quinta-feira (8), e contaram uma história no mínimo estranha.

Segundo eles, Alves caiu do barco por volta das 20 horas, durante a pescaria, eles tentaram localizar o colega, mas não conseguiram. Entretanto, eles não pediram socorro, nem para os bombeiros, muito menos para a família. O fato deles só terem revelado o ocorrido depois que o caso ganhou repercussão na imprensa também é intrigante.

Do Corpo de Bombeiros eles, que estão acompanhados de uma advogada, seguiram para a delegacia de Polícia Civil para relatar o que aconteceu. A polícia vai investigar o caso até esclarecer o que realmente aconteceu. O fato é que Alves continua desaparecido.

Entenda o caso

Poucos minutos depois de ir ao banco no início da noite desta quarta-feira (7), sacar dinheiro, entrar no mercado para trocar o dinheiro, o jovem de 21 anos entrou num GM Celta de cor prata em frente a sua residência, na região central de Coxim. Para a esposa, Alves contou que ia pescar com dois colegas de trabalho.

A última mensagem respondida pelo jovem foi as 18h48. Depois, ele nem atendeu as ligações e muito menos respondeu as mensagens. Por volta da meia noite seu celular começou a dar caixa postal. Preocupada, nesta manhã a esposa foi até o frigorífico e para surpresa os dois colegas que deveriam estar pescando com seu marido disseram que nem sabiam de pescaria.

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias