Quarta-Feira, 5 de Agosto de 2020
Política
19/07/2020 14:00:00
Com M de Mulher, Marly inaugura espaço exclusivo para pré-candidatas no Edição MS

Sheila Forato

Imprimir
Foto: Arquivo Pessoal

Uma postagem no Facebook e um comentário sobre representatividade deu origem ao espaço que inauguramos a partir de agora, o “Mulheres no poder”, voltado para mulheres com M maiúsculo que, assim como Marly, buscam espaço na política de Coxim.

É isso que busca Marly Nogueira, aos 49 anos. Casada com o mototaxista Jovino Andrade, de 51 anos, mãe do Diego, de 26, e da Letícia, de 25, Marly vai deixar os bastidores da política, por onde transita há muitos anos, para lutar por uma cadeira na Câmara de Coxim.

Foi através das redes sociais que ela informou o que definiu como novo ciclo. Logo, a postagem ganhou mais de uma centena de curtidas, assim como dezenas de comentários, todos incentivando a caminhada da mulher, que se divide entre tantas tarefas diárias, de filha, esposa, mãe, profissional e, como todas nós, donas de casa.

A vida nunca foi fácil, mas, Marly sempre deu a volta por cima. Dona de um humor invejável, de riso fácil, largo, ela sempre esbanja simpatia por onde passa. De família simples, do distrito de São Ramão, ela se casou em 1993, mas, somente depois de sete anos veio para a cidade, por força da aprovação num concurso para merendeira.

O primeiro desafio na cidade foi trabalhar na Escola Estadual Clarice Rondon. Era pouco, pois, como toda mulher, Marly sonhava com mais. E conseguiu. Ela ingressou no curso de Letras na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Assim que se formou pediu exoneração do Estado e foi coordenar o MOVA (Movimento de Alfabetização), também atuou como conselheira tutelar, deu aulas e foi assessora parlamentar, chegando a coordenar todo o funcionamento da Câmara de Coxim.

Dentre as bandeiras levantas por Marly está a da mulher, a importância da mulher ocupar espaços de forma igualitária com os homens. “Seja na política, no trabalho, na escola ou na universidade. Somos do tamanho dos nossos sonhos. Então, vamos sonhar”, incentivou a pré-candidata a vereadora, que vai disputar uma das vagas na Câmara de Coxim.

Atualmente, apenas duas das 13 cadeiras do poder legislativo são ocupadas por mulheres. Uma por Dinalva Mourão e outra por Lúcia da AAVC, ambas do PSDB. Mas, acredite, a representatividade feminina na Câmara de Coxim já foi bem menor. Na verdade, por várias legislaturas ela não existiu. E não precisamos ir a um passado muito distante para chegar a essa conclusão. De 2009 a 2012 as mulheres não foram representadas no poder legislativo.

“Mulheres no poder”

É um espaço criado pelo Edição MS, a exemplo de outros veículos de comunicação, para incentivar candidaturas femininas, que por muito tempo foram tratadas apenas como heranças. O sucesso acontecia apenas para mulheres e filhas de grandes nomes da política que se aventuravam em candidaturas, na maioria das vezes, com o ideal da família se perpetuar no poder.

O “Mulheres no poder” é para você pré-candidata da região norte de Mato Grosso do Sul, seja a vereadora, vice ou prefeita, que sonha em promover a transformação em sua comunidade. O espaço é totalmente gratuito e as interessadas devem mandar e-mail para eleicoesedicaoms@gmail.com.br. Devido a pandemia por Coronavírus (Covid-19) todas as informações serão solicitadas por meio eletrônico. As divulgações serão feitas esporadicamente, atendendo ordem de pedidos.

Aqui você, Mulher, tem voz e vez!

Notícias relacionadas

COMENTÁRIO(S)
Últimas notícias